5 práticas de SAC para melhorar o atendimento

5 práticas de SAC para melhorar o atendimento

O Serviço de Atendimento ao Consumidor é um setor que merece atenção e destaque das empresas, por lidar diretamente com as dúvidas e necessidades dos clientes. Para prestar um serviço de qualidade é preciso apostar nas melhores práticas do SAC. Afinal, atendimentos mal feitos podem afastar consumidores e prejudicar fortemente a imagem da marca.

Investir no desempenho do SAC é a melhor estratégia para que a organização ofereça todo o suporte que o cliente precisa, com qualidade. Se esse é o seu objetivo, acompanhe as dicas abaixo:

1 – Treinar a equipe para aplicar as práticas de SAC

Para que uma empresa ofereça um atendimento diferenciado, é fundamental que seus colaboradores conheçam bem os serviços e produtos oferecidos, as condições de pagamento e renegociação, além de estar a par das dúvidas mais comuns dos consumidores.

Atingir um nível de excelência no SAC exige que os profissionais façam treinamentos e processos de reciclagem, constantemente. Com a atualização, eles aprendem como aperfeiçoar o serviço e tornar a experiência do usuário com a central cada vez mais satisfatória e eficaz.

2 – Disponibilizar mais de um canal de atendimento

Hoje em dia, ninguém tem mais tempo de ficar no telefone aguardando atendimento. E, com o auxílio da tecnologia, os serviços de atendimento ao cliente podem modernizar seus processos, para oferecer soluções multicanais de atendimento ao seu público.

Assim, os consumidores conseguem contatar a empresa por meio de chats online, e-mail ou até mesmo pelas suas redes sociais. Essa flexibilidade permite a resolução de problemas e suporte ao consumidor, que pode escolher o canal que achar mais adequado para o seu caso.

3 – Adequar-se à lei

O SAC das empresas não é uma terra sem lei. Para operar regularmente, é obrigatório seguir o Decreto nº 6.523/2008, conhecido como a lei do Serviço de Atendimento ao Consumidor.

A legislação vigente estabelece algumas regras para o serviço. Primeiramente, ele deve ser disponibilizado durante as 24 horas do dia e a opção de falar com um atendente precisa ficar explícita desde o início do contato.

O responsável pela administração do SAC precisa ficar ciente dessas obrigações e aplicá-las na central, para se adequar à lei e aprimorar o atendimento.

4 – Automatizar os processos

Para tornar os processos mais rápidos e eficientes, as centrais devem apostar na automatização para otimizar os atendimentos, o que é benéfico para agentes e clientes.

Responder a uma grande demanda de consumidores implica na abertura de diversos protocolos diários. Nesse caso, a empresa pode apostar em uma solução para o gerenciamento dessa função.

Assim, o consumidor recebe seu protocolo diretamente por SMS e não precisa anotar o número apressadamente. Por outro lado, o atendente não precisa gerenciar os protocolos de forma manual, evitando falhas no processo.

Existem no mercado muitos outros serviços para automatizar os processos, tais como o menu interativo, identificação do cliente, banco de dados associado a soluções multicanais para um atendimento personalizado, entre outros.

5 – Usar a tecnologia a favor

A tecnologia não aparece no SAC apenas nos processos de automatização, mas também para tornar a central mais interativa, eficaz e dinâmica.

A Unidade de Resposta Audível (URA), permite o direcionamento do usuário para o setor que irá atender o seu chamado, agilizando o seu atendimento pela pessoa certa. As soluções voltadas para o SAC também contribuem para a gestão da qualidade do serviço, permitindo que o próprio cliente dê a sua nota ao atendimento recebido, na hora da finalização.

Além disso, a tecnologia proporciona a gravação e monitoria das chamadas, possibilitando ao gestor a identificação de vulnerabilidades no processo para efetuar melhorias e oferecer um serviço com o máximo de excelência e qualidade.

Apostar nas práticas do SAC é a melhor alternativa para as empresas que desejam proporcionar um atendimento eficaz, que cumpra com a lei e com as necessidades do cliente.

Gostou do artigo? Quer saber um pouco mais o assunto? Clique e Conheça as 5 maiores tendências em atendimento ao cliente.

Compartilhe

Live A Reply